Mentoria Black Tie: igualdade para o desenvolvimento profissional Imprensa

Acompanhe nossas notícias e eventos

Mentoria Black Tie: igualdade para o desenvolvimento profissional

Data: 20.11.2021
Mentoria Black Tie: igualdade para o desenvolvimento profissional Mentoria Black Tie: igualdade para o desenvolvimento profissional

Após 5 meses com muitas trocas de experiências para  colaboradores das áreas administrativas e operacionais, o programa “Mentoria Black Tie” desenvolvido pelo Comitê de Inclusão e Diversidade da AlmavivA, acaba de formar sua primeira turma de  mentorados atuantes em diferentes unidades da empresa.

Durante a solenidade  de formação, o nosso CEO Francesco Renzetti lembrou que o projeto é uma forma que a AlmavivA encontrou para proporcionar oportunidades e desenvolver profissionalmente os nossos talentos negros.

A presidente do Comitê, e diretora de operações, Paula Santana Lopes, destacou que os formandos já estão aptos para disputar cargos de liderança em um futuro próximo, com igualdade perante a todos os integrantes da equipe. Já o diretor de Recursos Humanos, Fernando Braga, destacou que este evento é um marco na historia da Almaviva do Brasil e que é um privilegio poder contribuir no desenvolvimento dos profissionais selecionados, que agora fazem parte de um seleto grupo preparado para assumir posições executivas na companhia.

O programa Black Tie foi lançado no dia 17 de junho de 2021. O seu propósito é colocar em prática e fortalecer conceitos de inclusão e diversidade que sempre estiveram intrínsecos na cultura organizacional da AlmavivA.

A seguir, confira depoimentos dos nossos mentorados e como esse projeto trouxe experiências e crescimento profissional para as suas vidas.

Thais Pedroso (mentorada)

Estou há vários anos na companhia e posso dizer que acompanhei o crescimento. Há alguns anos, tínhamos 3 mil funcionários e hoje somos uma imensa equipe com 33 mil integrantes. Sinto-me muito representada ao participar de um projeto como o Black Tie. Iniciei minha atuação aqui como analista e hoje sou coordenadora. Sou muita grata às oportunidades geradas aqui.

Ingrid (mentorada)

O programa Black Tie tem um planejamento fantástico, gera oportunidades e promove a troca de experiências.  Desejo que os mentorados que se formaram hoje possam trocar suas experiências com a equipe e se tornem futuros mentores. Foi uma honra participar dessa capacitação e pretendo me tornar uma mentora também.

Railene (mentorada)

A questão da inclusão social sempre foi muito forte na AlmavivA. Posso afirmar que participar dessa iniciativa só enriqueceu a minha vida profissional e desejo que os mentorados possam compartilhar suas experiências com mais colaboradores da empresa.

Guilherme Silverio (mentorado)

A minha mentora no projeto apresentou caminhos para que a minha atuação seja cada vez melhor durante a operação de atendimento ao cliente.

 

Dia da Consciência Negra

A formatura dos colaboradores do programa Black Tie ocorreu próxima ao Dia da Consciência Negra, comemorado no dia 20 de novembro, e que serve como reflexão para a sociedade em relação à importância da cultura africana no desenvolvimento da identidade cultural brasileira.

Diante disso, o nosso colaborador e mentor, Davi Prates, desenvolveu uma poesia que reflete essa situação em nosso País. Em um trecho, ele menciona também sua vivência em nosso ambiente de trabalho.

 

De AlmavivA

Todos somos iguais, é assim que se diz

Cada um tem seu valor, seu poder e sua cruz

Tentam me convencer enquanto a herança me conduz

Ao lugar de silencio onde subsisto,

Onde muitas vezes eu desisto

por não ser digno de ser feliz

 

3 séculos de escravidão e mais 3 se vão de negação

Que a humanidade nos foi tirada

Nossa Raça condenada

A ser margem da nação

Que mesmo sendo maioria

Vive a realidade sombria

Da invisibilidade por pré-condenação

 

Sou eu o negro do mercado

O garçom, a babá e a empregada

Cuja família fica largada

Para a sua ser cuidada

E seu carro ser lavado

 

Não mais seremos assim

E pra que tudo tenha fim

É preciso engajamento

Não dá mais pra termos calma

Por que isso dói  aqui na Alma

E não falo só por mim

 

É um caminho só de ida

Reconhecer todo tipo de vida

Cada um com seu talento

Reforço aqui neste momento

As lideranças de AlmavivA

 

Que todo dia é uma ficha que cai

Pois a cada passo criamos um futuro

Mais justo, digno e seguro

Quando o proposito não se trai

Sejam muito Bem vindos ao BlackTie

 

Autor: David Prates